Embaixada da República Tcheca em Brasília

česky  português 

Pesquisa avançada

Recomendar o artigo Imprimir Decrease font size Increase font size

Cidades irmãs, Třeboň e Diamantina

No dia 12 de setembro de 2013, nas solenidades comemorativas do aniversário de Juscelino Kubitschek, em Diamantina, na ocasião da entrega da Medalha Presidente JK, será assinado Memorandum entre Třeboň e Diamantina, cidades tcheca e brasileira unidas pela mesma origem do ex-presidente brasileiro, fundador de Brasília, Juscelino Kubitschek. Parabéns!

A Irmanação já foi aprovada nas duas cidades, em Diamantina, pela Lei n.º 30/2013 que declara a Diamantina como cidade irmã da cidade de Trebon, objetivando o estabelecimento de intercâmbio econômico, cultural, político e social entre as duas cidades. Em Třeboň, na República Tcheca, a irmanação foi aprovada na reunião do Conselho da cidade em 4 de setembro de 2013. No dia 12 de setembro em Diamanatina será assinado o Memorandum da Irmanação na presença do governador do Estado de Minas Gerais, senhor Antonio Anastacia, e outras autoridades.

A cidade Třeboň, fundada em 1150, está situada no cetro da região de Třeboňsko na Boemia do Sul, na República Tcheca, a 140 km da capital Praga. A cidade tem 8.600 habitantes. É uma pitoresca vila balneária com grandes riquezas de arquitetura da Renascença e Barroco, com o centro histórico pitoresco, o palácio renascentista e a majestosa tumba de família nobre Schwarzenberg. A cidade se encontra na bacia do rio Lužnice, que é utilizado na organização de uma rede de lagos. A região possui uma paisagem mágica com mais de 6000 lagoas, uma grande quantidade de ilhotas, brejos, pântanos e tremedais, que proporcionam um biótipo de variedade de espécies protegidas de animais e plantas e que começouno século 14 com o desenvolvimento da piscicultura.Toda a área de Třeboň fica entre braços de castelos medievais e de cidades renascentistas, criando assim uma paisagem harmoniosa que pertence às reservas biosferas da UNESCO.  Considerada o centro da cultura do peixe, com perfeita harmonia entre a atividade humana e a natureza, Třeboň tem como as principais fontes de renda a produção de peixe de água doce (carpa), o turismo de saúde (SPA) e as atividades recreativas e de família principalmente o ciclismo promovendo a sua paisagem regional com reservas naturais, além de patrimônio arquitetônico.


A cidade de Třeboň na República Tcheca

Třeboň é a origem da família do ex-presidente brasileiro Juscelino Kubitschek. O nome da família é muito comum na região, a referência documental mais antiga de acordo com o Arquivo Municipal de Třeboň sobre a família Kubitschek é de 1484. O bisavô do Juscelino, o carpinteiro Jan Nepomuk Kubíček emigrou para o Brasil em torno de 1831 da casa nº 16 de Domanín, lugarejo de Třeboň, lá se encontra a placa em homenagem ao presidente brasileiro.


Placa em Domanín

Antes a assinatura do "Memorandum" haverá a cerimônia de agraciamento pela Medalha Presidente Juscelino Kubitschek, criada em 1995 pelo governo de Minas, na praça JK em Diamantina. Este ano, um dos agraciados será o diplomata tcheco, o senhor Viktor Dolista, Encarregado de Negócios, a.i., primeiro secretário e cônsul. A concessão da medalha para um diplomata tcheco deve se principalmente ao fato que o ex-presidente Kubitchek é de origem tcheca e os laços de amizade entre brasileiros e tchecos tem raízes na história.